20.1.11

De volta ao site

De volta ao endereço tradicional. Clique aqui.

12 pitacos:

Anônimo,  12:41  

atahari diz:
O seu comentário aguarda moderação.

1 de Fevereiro de 2011 às 12:20
Malatesta rindo com a desgraça das Instituições de Caridade?. Para mim, não está rindo do Senador que não ficaria com um centavo para sí mas, das póbres crianças que não terão mais o recurso que poderia comprar remédios, fraldas, comida e dar-lhes um pouco mais de confôrto. Malatesta idióta, vá fazer uma visita ao Pequeno Cotolengo, que é um Instituição séria, vá conhecer o Lar Bom Jezus seu trouxa pra ver as óbras que o Senador toda a vida ajudou e nunca deu divulgação. Você sabe quantas mães poderiam ser atendidas com suas crianças em creches que tem falta de vagas? Não não sabe. Esse era um dinheiro que seria usado para aumentar o número de vagas nas creches e que hoje o Governo do Beto, com o apôio de idiótas como você se apropria indevidamente cassando a pensão que por direito seria do Senador que já estava repassando para as Instituições. Vá a m………cara. Você não sabe nada e fica falando pelo rabo.

Anônimo,  10:33  

Ola pessoal vocês sabiam que os Vereadores de Maringá, continua aprontando mesmo com o caeco na cola.
Olha só a ultima dessa semana! O Vereador Belino Bravin Filho, autorizou a assessora de gabinete a Senhora Sandra Ap6, a passar alguns dias na praia, com seus familiares e com o irmão do próprio vereador o mais conhecido como lei (o Vanderlei Bravin). Como continua a mesma coisa essa Câmara Municipal de Maringá e esse Presidente da Câmara o MÁRIO MASSAO HOSSOKAWA que não faz nada, para organizar essa bagunça.

Anônimo,  13:30  

Ministerio Público investiga Rossoni. Enquanto os trabalhadores se fod….. ; os áulicos se esbanjam com o dinheiro público. $25.000.00 (vinte e cinco mil reais) depositados todo o mes, durante tres anos através da fraude da mãe do Daru (homem de confiança do Rossoni) que confessou ser fantasma e, nunca teria recebido um centavo desse dinheiro, é um caso de POLICIA. Esse é um fato que deveria ser cobrada a devida providência até da Tribuna do Senado Federal pois, se ficar no âmbito do Estado com todo o comprometimento que existe por aquí, vira uma baita pizza e, isso não pode ficar assim.

Responder

Anônimo,  15:55  

10 de maio de 2011 às 13:52
A falta de garantias constitucionais começam e se expressar mais claramente em determinados julgamentos da Suprema Côrte em nosso País. Rasgaram a Constituição se, já não fosse uma interferência indevida nas prerrogativas do legislativo. A legalização da união estável entre pessoas do mesmo sexo, estarrece até os menos afetos às questões jurídicas pois, joga na “lata do lixo” o art.226 & 3º da Carta Magna. O que diz TAXATIVAMENTE a Constituição? Art.226 A familia, base da sociedade, tem especial proteção do Estado. & 3º: PARA EFEITO DE PROTEÇÃO DO ESTADO, é reconhecida e UNIÃO ESTÁVEL ENTRE O HOMEM E A MULHER, COMO ENTIDADE FAMILIAR, devendo a lei facilitar sua conversão em casamento. Aprovar e revogar leis, é competência do Poder Legislativo, competência essa ora usurpada nessa exdrúxula decisão do Poder Judiciário. Não caberia jamais ao Supremo dar interpretações a um texto absolutamente taxativo da nossa Carta Maior.

Responder

Anônimo,  14:20  

GENIAL!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
VAMOS COLOCAR OS IDOSOS NA CADEIA ...
UMA IDEIA A EXPLORAR?

Veja no http://vindodospampas.blogspot.com/

Anônimo,  22:40  

A expressão "DAR MILHO AOS POMBOS" ganha novo figurino pela ALL. Passando pela Av. 19 de Dezembro na terça-feira, reparei que a passagem da linha férrea estava repleta de milho espalhado naquele cruzamento. No trajeto pela Av. Horácio Racanello, reparei que o milho derramado seguia até o início do túnel na Av. Paraná. Será que os pombos irão se fartar?????

Anônimo,  11:55  

A VERDADE NUA E CRUA

Anônimo,  21:24  

Isso precisa ser investigado!
Dr. Aldo Pesarini acumula 15 funções de médico e tem vínculo com outras instituições privadas, o que é proibido por lei.
Aldo e outros 5 médicos legistas são acusados de improbidade administrativa pelas promotorias especiais de defesa do patrimônio público e direitos constitucionais.

Caso seja comprovada a acumulação ilegal de funções, o Ministério Público pede que os acusados percam cargos e funções públicas, tenham direitos políticos suspensos e pagamento de multa de até 100 vezes o valor da remuneração.

muralha 19:46  

ringon o que ta acontecendo em maringa hoje fui assaltado crebaram o vidro do meu carro e de outro carro nas ruas de maringa bando de marginais voceis chama essa cidade do que nao moro ai voce que mora o que acha disso

muralha 19:52  

maringa ta fei de bandido saiam dessa cidade motoqueiros ladroes

muralha 19:53  

fiquei no prejuiso quebraram o vidro da camionete

muralha 19:56  

fiquei nervoso de dia os bandidos fazendo festa de robo dentro de maringa cidade cançao o cidade do cao

Postar um comentário

Vê lá o que vai escrever! Evite agressão e preconceito. Eu não vou mais colocar xizinho; na dúvida, não libero o comentário.

  © Blogger templates 2008

Para cima